Harry Potter e o prisioneiro de Azkaban – Livro e filme – autora: J.K. Rowling

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Sinopse: Harry Potter é um menino bastante fora do comum. Está ansioso pelo término das férias de verão, se empenha em realizar todos os deveres de casa e, além de tudo, ele é um bruxo.
Ao regressar para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, a atmosfera é tensa. Sirius Black, por muitos considerado um servo do Lord Voldemort, esteve preso durante doze longos anos na temível fortaleza de Azkaban, condenado pela morte de treze pessoas com um único feitiço, e agora está foragido. Uma pista indica o lugar para onde ele se dirigiu - os guardas de Azkaban o ouviram mormurar enquanto dormia: "Ele está em Hogwarts... Ele está em Hogwarts."
Harry Potter não está seguro nem mesmo entre as paredes de sua escola de magia, rodeado de amigos. Porque, ainda por cima, pode haver um traidor no meio deles.
Este foi, provavelmente um dos livros que eu mais gostei de Harry Potter, e dos filmes também. Esperei ansiosa pelo lançamento do Prisioneiro de Azkaban nos cinemas e a versão cinematográfica não deixou a desejar, pelo contrário. Foi até que bem convincente se comparado aos outros filmes sobre outros livros no mercado.
Fora isso nem preciso expressar o amor que tenho por todos os livros da saga. A literatura da JK é magnífica.

Resenha do primeiro livro A Pedra Filosofal aqui e do Segundo livro, A Câmara Secreta, aqui.

Um pouco sobre a história: Harry gostaria de poder concluir as tarefas de férias que seus professores passaram, mas seus tios trancaram seus artefatos mágicos durante o verão, já que a vontade dos Dursley é que Harry Potter nunca mais voltasse a escola de magia.
Para piorar a situação, Vernon (tio Walter) convida a sua irmã Marge (tia Guida) para uma visita que pode colocar Harry em maus lençóis.
A confusão termina com Harry fugindo de casa direto para o caldeirão furado na pior época possível quando um terrível bruxo das trevas e partidário do Lorde Voldemort foge de Azkaban, a prisão mais bem protegida do mundo dos bruxos e também a mais famosa, por abrigar nela dementadores, seres essencialmente maus.
Esse livro, essencialmente, não traz como vilão o próprio Lorde das Trevas, a idéia central abordada aqui é a história sobre um seguidor fiel de Voldemort que foi responsável por trair seus amigos e entregá-los ao Lorde, o temido Sirius Black, que até então Harry sequer sabia da existência e fuga já que estava recluso do mundo mágico na casa de seus tios.

Primeiras impressões: Este livro mostra Harry com treze anos, ainda muito jovem e sem perder aquela inocência infantil que ele sempre teve, mas vemos um crescimento exponencial dos personagens da série deixando este terceiro volume mais “adulto” do que os dois primeiros tomos.
Percebemos Hermione mais preocupada com seu cabelo e roupas, a amizade crescente e cada vez mais forte do trio além de possíveis affairs que começam a se desenrolar aqui.

Impressões finais: Primeiro vou citar a aparição de Lupin, o novo professor de defesa contra as artes das trevas, cargo aquele tão almejado pelo querido Snape mas nunca ocupado pelo mesmo.
Como Harry teve essa briga com os Dusley e fugiu de casa, seus tios não assinaram o formulário que permitia ao garoto participar dos passeios escolares e, via de conseqüência, ele acaba passando as horas livres na escola e sem seus amigos, sendo então ensinado pelo professor Lupin alguns truques extras contra as artes das trevas e, também, contra os dementadores que agora assolam os campos de Hogwarts e demonstraram uma atenção especial por Harry.
Incrível, simplesmente o melhor dos livros, em que vemos o crescimento dos personagens como seres humanos e também como bruxos poderosos, a vontade de ler os outros livros da saga só aumentou e com elas meu amor pela literatura fantástica de J.K. Rowling.

Sobre a autora: J. K. Rowling tornou-se uma escritora de sucesso através das façanhas de seu personagem mais famoso e querido do público, Harry Potter. O mago que encantou o mundo em suas deliciosas aventuras contadas em uma série de 7 livros. Nascida em 1965 em Yate, na Inglaterra, Rowling gostava muito ler contos como: O Vento nos Salgueiros e O Cavalinho Branco, sendo influenciada por diversos autores do gênero. Traduzidos em mais de 64 línguas, seus livros. (fonte livraria cultura)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desça já da minha nuvem - Todos os direitos reservados - Por: Louder Design