Para sempre de Kim e Krickitt Carpenter

quinta-feira, 19 de outubro de 2017



 Sinopse: A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida  e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.


Sei que o mais comum é ler o livro para ver depois ver o filme, mas minha cabeça não funciona assim. Gosto de ver o filme primeiro porque acho que assim me privo de ficar comparando e curto o momento cinematográfico para depois de correr como uma louca atrás do livro a fim de ler as cenas que foram cortadas, sentir a profundidade dos personagens, mas em um amigo oculto literário ganhei esse livro e mais um outro, porém vamos focar nesse aqui.

O que havia sobrado do carro após o acidente.


O que achei do livro: Não posso começar sem dizer Uau! Channing Tatum e Rachel McAdams fizeram papéis lindos de verdade como Léo e Paige (Kim e Krickitt respectivamente), mas como diz o subtítulo do livro deixa claro só inspirou, pois é completamente diferente; no livro,  vivenciamos  o amor, a dor, a fé, É bem difícil falar sem entregar spoilers, porém  vamos  lá essa obra auto bibliográfica desde o momento que o casal se conhece por telefonemas e passa por sua história de amor antes e depois de um acidente sofrido no segundo mês de casamento dos cônjuges. É um livro fino, mas de grande significado que acho que cada pessoa que parar para prestar atenção vai tirar uma lição valiosa dali.


O trailer do filme aqui
Kim e Krickitt ao lado de seus filhos e seus interpretes no filme. Fonte: Getty Images

Primeiras impressões: Nossa como deve ser angustiante estar na pele do Kim.

Impressões finais: O amor verdadeiro existe e tem paciência. Espero um dia, amar e ser amada assim.
Desculpa, me rendi a fofura desses dois Fonte: Tumblr

Sobre os autores: Kim e Krickitt Carpenter moram em Farmington, no estado do Novo México. Sua história já apareceu nas revistas People, Readers Digest, Christian Digest, Dobsons Family News and Focus, nos jornais The New York Times e The Los Angeles Times, e em programas de televisão como The Oprah Winfrey Show, Dateline, Inside Edition, The Leeza Gibbons Show, The Sally Jesse Rafael Show, The Maury Povich Show, CNN News, the 700 Club, CBS Day and Date, the Family Channel, e até mesmo na MTV.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desça já da minha nuvem - Todos os direitos reservados - Por: Louder Design